Home RSS Feed Siga-me Siga-me Escreva-me

Imagens de assassinatos - Parte 1

Um assassinato frio e cruel: A “Robber Fly” leva muito literalmente seu nome, pois sem piedade rouba a vida de um besouro que se quer teve a chance de se defender. Nesta iamgem aparece injetando uma em sua presa, uma saliva que contém enzimas que paralisam a vítima. As enzimas vão dissolver então, o interior da presa e a substânica resultante serão sugados pela probóscide da mosca sem qualquer piedade.
———————————————
Um berçário delicioso: A quem se diga que diante de todo mal, algum grande bem tem que vir. Bem, neste caso o bem, seria comida. A morte desta mosca não foi em vão, algum outro inseto com larvas parasitóides utilizou esta mosca como um berçário para larvas famintas. Normalmente os ovos são colocados no abdomen de outro inseto e as larvas devoram até a morte o “berçário gostoso” em seu caminho para a maioridade. Isso acontece o tempo todo na natureza e nunca percebemos.
———————————————
Natureza é inconsciente a tamanha crueldade: Uma vespa continua devorando sua presa mesmo durante o vôo. Antes ela havia atacado sua presa e abandonado até que ela morresse, depois voltou para se certificar que o banquete estava aservido. Não sinta mal por essa pobre criatura que será ingerirda em minutos. Há muito mais de onde esta veio!
—————————————————
Falsa e oportunista: Com muita astúcia essa belíssima aranha vive camuflada nas flores, e não perde a oportunidade de agarrar a borboleta enquanto esta parecia relaxada para almoçar o néctar das flores. A pobre borboleta se quer teve chance de realizar sua última refeição, a aranha após a primeira picada, já paraliza a presa e depois devora seu corpo, asas e tudo mais!
——————————————-


Autoria: Karlla Patrícia

0 comentários:

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios